Os sugadores de energia!

par ou impar

1) O processo de tomada de decisão
 
Apesar de muito experiente, normalmente todas as vezes que você vai tomar uma decisão importante sua mente faz com que você pague um pedágio caro, sua mente fica cansada e isto também reflete em seu corpo, No inicio você pode até ter a certeza de que sua decisão é a mais correta, porém durante a formação do processo de decisão você mesmo vai criando razões para duvidar de suas próprias decisões e ai tudo acontece. Esta é a fase que costumo a chamar de : e se ?
 
– E se eu tomar a decisão errada?
– E se a decisão não ficar de acordo com a expectativa do meu cliente
– E se demorar mais tempo que a proposta
– O que as pessoas vão pensar de mim?
– Isso é realmente o melhor?
 
Estas são apenas algumas das perguntas que nós tendemos a criar que nos levam à indecisão e a indecisão cria fadiga, portanto você precisa entender antes de mais nada qual é o seu perfil para tomada de decisão:
 
Então que tipo de pessoa decisora você é?
 
Quando se trata de tomar decisões, existem dois tipos de pessoas:
 
O Maximizador
 
O Maximizador quer sempre tomar a decisão ideal. Ele quer fazer as coisas com perfeição, quer ter cada ponto do processo sobre controle e só decidirão quando tiver um elenco de ações possíveis para cada possibilidade de falha resolvidos e bem claros. E mesmo quando eles encontram uma resposta ou solução para seu problema, eles normalmente adiam a tomada
uma decisão, podemos chamar de procrastinação involuntária causada pelo medo.
 
O Satisficer
 
Termo foi denominado pelo economista Herbert Simon, em 1956, o satisficer ( sem tradução para o português) refere-se a pessoas que agem e tomam uma decisões a partir do momento
que encontram o que querem. Eles definem os critérios do que querem ver, e assim que.
encontram soluções que satisfazem esses critérios, se movem para a frente e tomam a sua
decisão. Não precisam de ver todas as opções o possibilidades possíveis.
Eles buscam, eles encontram, eles agem.
 
Em que tipo você se encaixa?
 
Quais os custos para os dois tipos de decisores?
 
Muitas pessoas não consideram o custo que pagam por serem indecisos. Eu já testemunhei dezenas de consultores “maximizadores” que sabem o que eles precisam fazer, já identificaram o problema se seus clientes e não conseguem a tomar as decisões no tempo certo. Talvez por falta de habilidade, sem saber como estruturar e escrever propostas
Vencedoras, ou simplesmente não sabem como dar o próximo passo para conquistar o projeto, porém como disse no inicio deste post, a indecisão cobra um preço alto no fator tempo, pois enquanto pensam.
O satisficer decide age e sempre leva vantagem, pois durante a negociação ele fazem as correções necessárias e avançam casas na busca do fechamento do contrato. È lógico que um maximizador pode se tornar um satisficer, devido ao tempo e experiência acumulada, porém aqui falo dos que adotam os estilos como modo de estrutura de pensamento.
 
Para finalizar este assunto ilustro com uma informação da analise de uma pesquisa muito interessante sobre um estudo realizado com de mais de 500 milionários americanos
Descobriu-se que todos eles tinham uma coisa em comum. Todos foram decisivos em suas ações. O autor deste estudo era ninguém menos que Napoleon Hill.
Em seu livro clássico “Pense e Enriqueça”, Hill disse que “A análise de várias centenas de pessoas que tinha acumulado fortunas bem além da marca de 1 milhão de dólares divulgado o fato de que cada um deles tinha o hábito de chegar a decisões rapidamente .” Isto foi em 1936, 1 milhão de dólares, em seguida, vale muito mais agora!
 
O outro perigo de ser indeciso é que enquanto você está gastando tempo considerando todas
as opções e cismar com uma decisão, seu concorrente já tomou decisão dele
está fazendo progresso enquanto você não decide e o sucesso ocorre na medida que você decide e não quando você fica pensando no que fazer
 
A pessoa que tomas decisões sempre leva vantagem sobre as indecisas , é notório e muito nítida esta vantagem competitiva
Poderes secretos dos empreendedores
 
O Verdadeiro “segredo” é que mesmo que se você tome uma decisão errada, você sempre você sempre poderá fazer uma mudança e retomar seu projeto. O mundo empresarial é assim poucas empresas começaram com uma ideia de muito sucesso.
Eles alcançaram o sucesso, agindo, tentando, aprendendo o que funcionava e corrigindo o que não funcionava. A ação gerava o feedback e o resultado é que eles eram capaz de continuar a ajustar as abordagem e ir ficando melhor e melhor.
 
Pense , aplique e replique porque é assim que funciona

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s