Dicas para ser um bom mentor

the art of (5)

A Mentoria para empreendedores é uma atividade de troca de experiência e conhecimento profissional e se inicia pela afinidade dos assuntos a serem abordado, Para um empreendedor a mentoria é algo muito rico e produtivo, pois o Mentorado sera tutoriado durante as fases de desenvolvimento do seu projeto. A mentoria esta alinhada com a ativiadade estratégica e se dará por completa quando a introdução posterior de um profissional de Coaching que fornecerá as ferramentas e praticas para que o empreendedor passe para a ação e avance em seu projeto.

O elenco das 10 atitudes a seguir , são essenciais para um mentor, as quais o levarão a desenvolver um processo de mentoria bem-sucedido.

1. Focar no aprendizado e desenvolvimento do seu mentorado – criando situações que possibilitem aprendizado para ele, como a incumbência de tarefas que para as suas execuções seja necessário à aquisição de conhecimentos e habilidades;
2. Orientação positiva ao mentorado – acreditando, encorajando-o e apoiando-o para o sucesso na realização das tarefas;

3. Altruísmo – disponibilidade para fornecer orientação e energia suficiente para possibilitar o sucesso do mentorado, sem esperar nada em troca;

4. Autoconhecimento elevado – o mentor deve ter consciência dos seus pontos fortes e fracos, competências pessoais e limitações;

5. Ser um expertise no seu campo de atuação- ter profundo conhecimento da sua área técnica para poder passar conhecimento com segurança ao mentorado;

6. Clareza de objetivos – explicitar os objetivos de um plano de trabalho, de um projeto ou de uma atividade nos quais o mentorado irá participar;

7. Empatia e sensibilidade – são essenciais para o sucesso de qualquer relação humana, elas são, respectivamente, a capacidade de analisar uma situação se colocando na posição do outro e a habilidade de perceber as emoções e sentimentos dos outros, os quais não são expressos verbalmente, mas por meio de gestos, comportamentos e atitudes;

8. Habilidade de relacionamento – é a capacidade de construir, manter e levar adiante as relações de forma satisfatória;

9. Capacidade de conceituação – advém da maturidade e sagacidade do mentor e ajuda o mentorado a entender e compreender o significado de coisas aparentemente desconexas, fazendo-o aprender a analisar os fatos através de várias perspectivas;

10. Habilidades de comunicação – saber ouvir, ser paciente ao ouvir e compreender bem as mensagens verbais. Perceber no que é falado o que é verdadeiro e o que é dissimulação, apreender, também, o significado das mensagens não verbais através da postura e gestos do mentorado. Essas habilidades darão condições ao mentor de poder desenvolver satisfatoriamente uma boa relação de mentoria.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s